Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade



Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Documentário sobre a contemporaneidade belenense será exibido no Cineclube Alexandrino Moreira

  • Publicado: Sexta, 09 de Março de 2018, 14h41
  • Última atualização em Sexta, 09 de Março de 2018, 14h41
  • Acessos: 235
imagem sem descrição.

“Fisionomia Belém”, realizado por Relivaldo Pinho e co-dirigido por Yasmin Pires, será exibido nesta segunda-feira, 12, às 19h, na Casa das Artes, da Fundação Cultural do Pará (FCP), pelo Cineclube Alexandrino Moreira. Relivaldo, antropólogo, e Yasmin, publicitária e mestranda em filosofia, apresentam um documentário que mostra uma cidade de Belém pós-moderna, fugindo dos moldes repetitivos e superficiais que sempre representam a capital paraense.

A produção traz uma cidade contemporânea que parece alargada em transformações cotidianas que se desviam da percepção, com traços que às vezes são descortinados apenas em suas representações. Fernando Segtowick, Éder Oliveira, Lázaro Magalhães, Edyr Proença e Ernani Chaves são os mediadores para falar sobre um único personagem: Belém do Pará. As mudanças, sociabilidades e representações na capital do estado do Pará, encravada no meio de uma Amazônia mítica e real.

Relivaldo Pinho, idealizador do projeto, afirma ser esse um documentário com o objetivo de apresentar uma Belém que não conhecemos. “O propósito do documentário é escapar dos discursos que fazem a mesma coisa, que mostram a mesma Belém perigosa através dos mesmos olhares. A produção apresenta a cidade artisticamente, com uma estética profunda” diz.

O documentário reúne personagens reais que, por diferentes vieses, estudam de forma aprofundada a cidade de Belém. Reunindo áreas antropológicas, comunicacionais e filosóficas, os personagens entrevistados ajudam a construir a narração de uma capital pós-moderna. Aliado a isso, os registros visuais da cidade apresentam o seu processo de evolução, mesclando as imagens de prédios destruídos e antigos com construções contemporâneas.

“Esse reconhecimento é extramente louvável, para que assim possamos ver e pensar uma Belém contemporânea”, diz o diretor sobre a importância da iniciativa da Fundação Cultural do Pará (FCP) promover seu trabalho. “Fisionomia Belém” será exibido no Cineclube Alexandrino Moreira na Casa das Artes, com programação feita pelo Laboratório de Produção Digital e entrada franca.

Cineclube Alexandrino Moreira (LPD)

“Fisionomia Belém”, de Relivaldo Pinho e Yasmin Pires (Brasil, 49 min., 12 anos)

Local: Casa das Artes
Data: 12 de março de 2018

Hora: 19h
Preço: Entrada franca

registrado em:
Fim do conteúdo da página