Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade


destaque

Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Estudantes da rede pública participam de uma programação de incentivo à leitura na Usina da Paz, em Ananindeua

  • Publicado: Sábado, 20 de Novembro de 2021, 11h26
  • Última atualização em Sábado, 20 de Novembro de 2021, 11h54
  • Acessos: 217
imagem sem descrição.

Alegria e diversão. Foi assim a tarde de alunos de 7 a 11 anos da Escola Estadual de Ensino Fundamental Moradores de Cristo Rei, do bairro do Icuí-Guajará, em Ananindeua que participaram da ação 'A Escola vai a Usina'. Realizada pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) em parceria com a Fundação Cultura do Pará (FCP), que tem como objetivo contribuir para a formação de novos leitores no município de Ananindeua, houve programação com contação de histórias.

"Essa atividade foi criada para atender as escolas do entorno do bairro do Icuí-Guajará a partir das aulas de reforço escolar que estamos disponibilizando, aqui na Usina, que pensamos em fomentar a leitura, para que as crianças possam ter um incentivo maior. Foi aí que surgiu essa parceria, com o objetivo de incentivar a leitura e a escrita, através do teatro com bonecos e a contação de histórias", afirmou a Técnica Pedagógica da Seduc, Simone Tota.

WhatsApp Image 2021 11 20 at 11.50.46 2

A estudante do 3° ano, Evelynn Costa, 11 anos, definiu a Usina da Paz Icuí-Guajará como um espaço "lindo". "Eu estou achando tudo muito bonito, e estou feliz por poder estar aqui e ainda mais de participar dessa ação, já que gosto muito de ler’’, disse a estudante. 

A atividade ocorreu no Teatro da Usina da Paz Icuí-Guajará, e contou com a participação de cerca de 40 alunos, o Técnico da FCP, Semias Araújo, falou um pouco sobre como o trabalho foi realizado.

"Nós começamos fazendo uma introdução da importância do contexto do ler, do livro, dos escritores, dos autores e depois entramos com o espetáculo de teatro de bonecos, que são histórias da literatura, onde temos toda uma preocupação de sempre dar um juízo de valor na questão da história, e essa interação com as crianças é muito importante, depois brincamos um pouco sobre a história em si e em seguida tivemos a parte de contação de histórias. Terminamos com uma oficina lúdica literária, que é uma oficina de reciclagem onde as crianças utilizam materiais reaproveitáveis", concluiu o técnico.

lucasPara o estudante do 3° ano, Lucas Santos, de 9 anos, a tarde foi de aprendizado. "Eu gosto muito de ler e para mim foi muito legal ter participado dessa atividade, onde aprendi muitas coisas legais", concluiu o participante.

De acordo com a Simone Tota, Técnica Pedagógica da Seduc, a programação será continua. "Essa foi a primeira escola beneficiada com o projeto, mas já estamos organizando outras ações", concluiu.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

**Reprodução de informações do Agência Pará. Matéria por Elizabeth Teixeira (SEAC).

registrado em:
Fim do conteúdo da página